domingo, 10 de janeiro de 2010

" Diz o poeta Mauro Salles: “o guerreiro da luz escolhe seus inimigos”.

O guerreiro sempre sabe do que é capaz. Não precisa sair pelo mundo alardeando suas qualidades e virtudes.Entretanto - como no velho oeste – a todo o momento aparece alguém querendo provar que é melhor que ele.

O guerreiro sabe que não existe “melhor” nem “pior”: existe um caminho a ser percorrido com dignidade, e isto é tudo.

Mas certas pessoas insistem. Provocam, ofendem, fazem de tudo para irritá-lo. Neste momento, o coração do guerreiro diz: “não revide. Isto não vai aumentar a sua habilidade. Você vai se cansar à toa”.

Um guerreiro da luz não perde tempo escutando provocações. Ele tem um destino a ser cumprido. "

Paulo Coelho

9 comentários:

Beth/Lilás disse...

Alô, Lindona!
Esse Paulo Coelho é danado, sabe das coisas e se eu fosse você seguiria estes conselhos.
E vamo que vamo!
bjs cariocas

Renata Lopes Costa disse...

Que lindoo! Amei...

ॐ Camila Anastasi disse...

Flaviaa, Paulo Coelho é meu escritor favaorito!
sou uma louca pelos livros e escritas dele!
muitissimo bom esse tambem!

Chá das Cinco disse...

Como é dificil não dar ouvidos as provocações não?
Gostei da escolha do texto.
Bjs

Bia Monteiro disse...

Belíssimo flor!
Fikei BEGE de emoção!
CHOQUEI totalmente com as palavras...
Ótima smeana pra ti
E desculpa a demora em aparecer
Mas meu pc de ksa pifou...
e o tempo durante a smeana anda escarsso por conta do trabalho
Mas num se preocupe q sempre darei um jeitinho de estar por aki...
Bjooo
=D

Luciana Klopper disse...

Irmã, texto perfeito..para um momento meu perfeito!

Lidia Ferreira disse...

sou apaixonada por Paulo coelho tenho quase todos seus livros
maktub
bjs

pontorouge disse...

Demorei para vir aqui, né? É que andei meio sumida da blogosfera, mesmo. Pouco tempo, muito trabalho. Mas já linkei você para voltar sempre.

beijo rouge

Dani

Lúcia Soares disse...

Mesmo tão contestado pela "elite", Paulo Coelho é digno de admiração, quando pouco pela coragem que tem em se lançar num mundo tão fechado quanto o dos escritores, "intelectuais". Quem tem visão, que veja. Quem tem ouvidos que ouça...Bj