domingo, 9 de novembro de 2008

Desconfiança é meu nome


Sou daquelas pessoas que desconfiam até da própria sombra e mesmo assim continuo levando quedas por acreditar demais nas pessoas, continuo a me decepcionar... Talvez um dia eu aprenda a confiar mais em mim e (des)confiar menos dos demais, espero muito dos outros e o que acontece? Decepções... Mas não estou aqui para falar das N decepções da vida, por enquanto, mas sim de desconfiança... Não sei até que ponto minha desconfiança é normal, já to achando que é uma fobia e merece tratamento!

Desconfio de tudo e de todos, e porque isso? Mera insegurança! Desconfio de tudo que se move, do que não se mexe também, do que fala e do que não gera som algum, desconfio do que vejo e do que não vejo então nem se fala, imagino coisas que até Deus duvida! Ô cabecinha essa minha...

Não posso ver um controle remoto de TV na minha frente que me sinto obrigada a ficar zappeando por todos os canais, com breves paradas em algum que chame mais atenção, o que ultimamente anda difícil. Ontem à noite em mais uma crise de insônia, enjoei do PC, e fui ver TV, nada de bom num canal, muito menos em outro, mas dei uma paradinha no SBT, que estava apresentando o TELETON, em poucas horas já haviam arrecadado muitos milhões em prol de pessoas deficientes... Será que esse dinheirão todo vai pra seu destino? Eta desconfiança braba! Sério, não acredito mesmo! Teleton, Criança Esperança, LBV... Até já colaborei algumas vezes, mas tenho minhas desconfianças... Todos os anos são programas e mais programas que visam arrecadar "fundos" para menores abandonados, crianças carentes, adolescentes em reabilitação, doentes à espera de hospitais etc... Com a chegada do Natal então os pedidos de doação multiplicam-se e as crianças continuam a morar nas ruas, os adolescentes continuam a cometer crimes, usar drogas... Gostaria de estar enganada, mas duvido que não “metam à mão” no dinheiro alheio. Se eu pudesse ajudaria muito mais as pessoas, que realmente necessitam, mas do meu modo, doando o que realmente é necessário.

Enquanto não domino a minha desconfiança vou fazendo o bem ao próximo do meu jeito, ajudando quem eu posso ver com meus próprios olhos e confiando em quem merece minha confiança!

.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
Não tenho muitas habilidades manuais, a não ser ponto cruz... Hehehe. Por isso me encanto pelos dons alheios, como pinturas, bordados, desenhos... Ai vai um site de artesanato que achei um amor, de uma conterrânea...
A Borboleta e a Flor

Certa vez um homem pediu a Deus uma flor e uma borboleta, mas Deus deu-lhe um cacto e uma lagarta. O homem ficou triste pois não entendeu o porque do seu pedido vir errado. Daí pensou: "Também, com tanta gente para atender..'' E resolveu não questionar. Passado algum tempo, o homem foi verificar o pedido que deixara esquecido. Para sua surpresa, do espinhoso e feio cacto havia nascido a mais bela das flores. E a horrível lagarta trasnfomara-se em uma belissima borboleta.
Deus sempre age certo. O seu caminho é o melhor, mesmo que aos nossos olhos pareça estar dando tudo errado. Se você pediu a Deus uma coisa e recebeu outra, confie. Tenha certeza de que Ele sempre dá o que você precisa, no momento certo. Nem sempre o que você deseja.. é o que precisa. Como Ele nunca erra na entrega de seus pedidos, siga em frente sem murmurar ou duvidar!

O espinho de hoje..
será a flor de amanhã!

3 comentários:

Renata Lopes Costa disse...

Sabe que eu também sou um pouco desconfiada, coisa que agente mesmo cria na cabeça... Principalmente com as pessoas que gosto, vamos nos cuidar..heheheh!!
Bejinhos "filhada" e olha os modos aí, hein? Comporte-se!!!hehe

Cati disse...

Obrigado pela divulgação do site ;)

Otimo Texto, Parabens!

- nada melhor que ajudar o proximo mesmo, mas acho que nem sempre é necessario ser com dinheiro, tenho um abrigo que sou voluntaria, são 12 crianças.. cada uma com seu jeito de ser, mas todas querendo apenas uma coisa: CARINHO =) se tu der um presente eles vão amar, depois esquecem.. se der um abraço, um carinho, isso marca eles pra sempre!
Por isso que prefiro ajudar assim, perto deles, com carinho e atenção.. pois o dinheiro não compra isso!

Bom Domingo, Beijão ;*

Beth/Lilás disse...

Realmente esse tipo de negócio a gente até desconfia! Agora, o Teleteon do S.Santos, pelo menos mostra onde foi aplicado o dimdim, mas aquele da Globo e LBV são maior furada.
Tudo prá enganar o pobre povão!

bjs cariocas